27 de Abril, 2015

Revisitando o Conceito de Saneamento Básico no Brasil e em Portugal

Artigo do Professor Luiz Roberto Moraes e Patrícia Campos Borja

O artigo tem como objetivo revisitar o conceito de saneamento básico no Brasil e Portugal. O estudo foi realizado por meio de uma revisão bibliográfica sobre o tema, com ênfase no que tem sido produzido no Brasil e trabalho empírico qualitativo em Portugal, por meio de entrevistas realizadas a 50 dirigentes de entidades gestoras de saneamento básico, autoridades de saúde, meio ambiente e de regulação dos serviços, bem como representantes de entidades da sociedade civil. Conclui-se que o conceito de saneamento básico está submetido e condicionado ao próprio processo de construção do conhecimento ao longo da história, que tem se pautado por movimentos de continuidade e descontinuidade, que não se dão de forma neutra e estão inseridos na complexidade do contexto social e político do momento. Seu entendimento atual vai além dos componentes abastecimento de água e esgotamento sanitário, contemplando também o manejo das águas pluviais e de resíduos sólidos.

Última modificação em Segunda, 27 Abril 2015 11:46
Mais nesta categoria:
ASSEMAE © 2020 | Todos os direitos reservados Desenvolvido por Trídia Criação