02 de Maio, 2018

Congresso da Assemae debaterá soluções para perdas

Mesa-redonda 4 abordará o tema no dia 28 de maio, das 16h30 às 18h, com especialistas do setor. 

Para orientar os municípios no controle das perdas de água, o 48º Congresso Nacional de Saneamento da Assemae debaterá o tema no dia 28 de maio, das 16h30 às 18h, durante a quarta mesa-redonda do evento. Na ocasião, os palestrantes abordarão a gestão das perdas de água como fator de sustentabilidade e eficiência energética no setor de saneamento básico.

A mesa-redonda será coordenada pela presidente da Assemae Regional Nordeste I, Rosemary Santos da Paixão, que também é diretora do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Valença (BA). Os palestrantes convidados foram os seguintes especialistas: Claudio Luiz Tiozzi Rubio (consultor técnico da Gerência de Controle de Perdas e Sistemas da Sanasa de Campinas/SP); Mário Augusto Baggio (consultor na área de saneamento básico e sócio-gerente da empresa Water Database); Marcos Martins Santos (diretor-presidente do SAAE de Sobral/CE); e José Rubens Françoso (presidente do Semae de Piracicaba/SP e representante da Assemae no Grupo Interinstitucional de Eficiência Energética no Setor de Saneamento – GIEESS/Ministério das Cidades).

As perdas no processo de abastecimento de água são consideradas um dos principais desafios para o saneamento básico. Segundo dados do Governo Federal, o Brasil perde quase 40% da água tratada com fraudes e vazamentos, o que impacta diretamente na sustentabilidade dos serviços do setor. Especialistas defendem o investimento em tecnologia e capacitação técnica como soluções fundamentais para o controle do problema.

As chamadas perdas reais são associadas aos vazamentos, já as perdas aparentes são relativas à falta de hidrômetros ou demais erros de mediação, às ligações clandestinas e ao roubo de água. Todas essas perdas trazem vários impactos negativos ao meio ambiente, à receita dos serviços de saneamento básico e aos investimentos necessários para o avanço do setor, resultando em um prejuízo de aproximadamente R$ 8 bilhões por ano no Brasil.

Sobre o evento

O 48º Congresso Nacional de Saneamento da Assemae ocorrerá de 27 a 30 de maio de 2018, no Centro de Eventos do Ceará, em Fortaleza. A programação inclui mesas-redondas, painéis, minicursos, apresentações de trabalhos técnicos, exposições de tecnologias e feira de saneamento básico. São esperados mais de dois mil participantes.

Inscreva-se até o dia 10 de maio e aproveite descontos exclusivos no site do evento. Acesse: clique aqui

Última modificação em Quarta, 09 Maio 2018 19:57
Mais nesta categoria:

ASSEMAE © 2016 | Todos os direitos reservados