25 de Março, 2015

Sanasa recebe menção honrosa em prêmio FIESP

Prêmio Fiesp Conservação e Reúso de Água apresentou, ao longo de 10 anos, 162 projetos

O projeto Estação Produtora de Água de Reúso da Sanasa, companhia de abastecimento de água e saneamento básico de Campinas, conquistou uma menção honrosa do 10º Prêmio Fiesp Conservação e Reúso de Água. A cerimônia de entrega do prêmio ocorreu na terça-feira, 24 de março.

A companhia está implantando a Estação de Produção de Água de Reúso (EPAR Capivari II) para reúso da água. A distribuição da água reutilizada começou em fevereiro de 2014 inicialmente para a própria empresa e para a Prefeitura Municipal. As obras de ampliação do Aeroporto de Campinas também recebem essa água para atividades de construção civil, como compactação do solo, terraplenagem e drenagem do imóvel.

O valor da água potável da Sanasa é cerca de R$ 11,90 por metro cúbico e o valor da água de reúso corresponde a R$ 1,40 por metro cúbico. Em fevereiro de 2014, a Sanasa e o Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp) assinaram um termo de associação, no qual a água de reúso passou a ser disponibilizada para as indústrias a um custo mais baixo em relação a água potável. Segundo a Sanasa, as ações trouxeram ganhos financeiros de US$ 63,470 no ano passado.

O Prêmio Fiesp Conservação e Reúso de Água apresentou, ao longo de 10 anos, 162 projetos por mais de 100 empresas de diversos segmentos e portes. Juntos, esses projetos geraram uma economia superior a 95 milhões de metros cúbicos de água por ano, com investimentos superiores a R$ 490 milhões. Até o ano passado, os 69 finalistas pouparam uma média de 15 milhões de metros cúbicos de água por ano, o equivalente a 4,5 mil piscinas olímpicas.

Fonte: FIESP

Última modificação em Quarta, 25 Março 2015 16:57
Mais nesta categoria:
ASSEMAE © 2021 | Todos os direitos reservados Desenvolvido por Trídia Criação