20 de Julho, 2016

Campinas recebe oficina de segurança da água

O evento, que recebe o apoio da Assemae, será realizado nos dias 08 e 09 de agosto. 

Em conformidade com as diretrizes da Organização Mundial da Saúde (OMS) e do governo brasileiro, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás (IFG) realiza nos dias 08 e 09 de agosto a segunda oficina de validação dos métodos referentes ao Plano de Segurança da Água (PSA). O evento, que recebe o apoio da Assemae, será realizado na sede da Sociedade de Abastecimento de Água e Saneamento (Sanasa), em Campinas (SP). 

A primeira oficina de trabalho ocorreu em Brasília no mês de fevereiro, tendo como objetivo discutir as metodologias da Matriz de Priorização de Riscos e a Árvore de Decisão utilizada na Avaliação de Pontos Críticos de Controle (APPCC). Já o segundo encontro pretende realizar uma nova rodada de debate sobre as questões não consensuadas.

Foram convidados representantes de comitês de bacias hidrográficas, profissionais do setor de saneamento básico, pesquisadores e gestores públicos, sobretudo, aqueles que já participaram da primeira capacitação. O resultado das oficinas será adotado como ferramenta de avaliação de risco do Plano de Segurança da Água, a partir de uma plataforma web que vem sendo desenvolvida pelo IFG. 

A implementação do PSA visa identificar as possíveis deficiências no abastecimento de água, organizando e estruturando o sistema com a finalidade de minimizar os incidentes, a exemplo de falhas mecânicas, secas ou inundações. Segundo a OMS, o plano deve considerar as metas de saúde, a capacidade dos sistemas de abastecimento e os programas de vigilância de controle da água. A implantação dessas atividades requer a utilização de procedimentos metodológicos que necessitam de adequação à realidade brasileira, por isso, a capacitação foi convocada.

Foto: Internet

Última modificação em Segunda, 25 Julho 2016 09:35
Mais nesta categoria:
ASSEMAE © 2019 | Todos os direitos reservados Desenvolvido por Trídia Criação