22 de Março, 2017

Congresso bate recorde de inscrições de trabalhos

Foram inscritos mais de 170 artigos técnicos, com destaque para as temáticas de abastecimento de água e políticas de saneamento.

Aproveitando as discussões fomentadas pelo Dia Mundial da Água, a Assemae também comemora o número recorde de inscrições de trabalhos técnicos para o 47º Congresso Nacional de Saneamento da entidade. Foram recebidos mais de 170 artigos técnico-científicos, com destaque para as temáticas de abastecimento de água e políticas de saneamento, que apresentarão experiências exitosas de gestão municipal neste setor. O evento ocorrerá de 19 a 22 de junho, no Centro de Convenções Expo D. Pedro, em Campinas (SP).

À luz da gestão pública eficiente, os trabalhos selecionados para o congresso vão mostrar soluções práticas destinadas aos serviços municipais de saneamento, priorizando o atendimento da população com qualidade e em quantidades adequadas. A ideia é proporcionar a troca de experiências entre os municípios e incentivar a implantação de novas tecnologias baseadas na realidade de cada região. Finalizada a inscrição dos artigos, começa agora a fase de avaliação dos textos recebidos. A lista dos trabalhos aprovados será divulgada a partir de 24 de abril.

Mais do que apresentar uma ampla diversidade de trabalhos técnicos, o Congresso da Assemae se destaca, ainda, como ponto de encontro anual para o debate político e institucional do setor de saneamento. Há de se ressaltar a programação de painéis, minicursos, visitas técnicas e feira de tecnologias, que atrai a participação das principais lideranças e pesquisadores do saneamento básico no Brasil. A 47ª edição do evento terá como tema central o slogan “Saneamento Público Municipal: um caminho para o Brasil”.

Segundo o presidente da Assemae, Aparecido Hojaij, o encontro deste ano foi pensado para apresentar a força dos municípios como protagonistas do modelo de gestão pública que funciona bem e que resulta na melhor qualidade de vida dos brasileiros. “Faremos um evento de excelência em Campinas, considerando que uma política pública de saneamento básico deve partir do pressuposto de que o município tem autonomia e competência para gerenciar serviços de saneamento básico de natureza local, com qualidade e inovação”, destaca.

Acompanhe as novidades do evento pelo site www.assemae.org.br/congressonacional. 

Última modificação em Quinta, 23 Março 2017 10:29
Mais nesta categoria:
ASSEMAE © 2019 | Todos os direitos reservados Desenvolvido por Trídia Criação