10 de Novembro, 2017

Encontro incentiva a troca de experiências

Programação apresentou experiências exitosas de apoio aos municípios

Na sexta-feira, 10/11, a programação do 1º Encontro de Prefeitos e Gestores Municipais com o Saneamento Básico abordou os procedimentos para a estruturação de serviços do setor, além de apresentar experiências exitosas de apoio aos municípios, coordenadas pela Fundação Nacional de Saúde (Funasa). Realizado pela Assemae em Anápolis (GO), o evento busca orientar a execução das políticas públicas de saneamento, valorizando o trabalho dos prefeitos e gestores locais.

Pela manhã, os palestrantes orientaram o passo a passo para a criação e estruturação de sistemas municipais de saneamento, considerando a implementação da gestão da qualidade, política tarifária adequada e planejamento. O debate contou com a presença do gerente de Gestão da Qualidade e Relações Técnicas da Sanasa de Campinas (SP) e 3º vice-presidente da Assemae, Alessandro Siqueira Tetzner, professor na área de saneamento básico e membro do Conselho Diretor Nacional da Assemae, Antonio Carlos Lobão, e do técnico do Departamento de Engenharia de Saúde Pública (Densp) da Funasa, Neilton Santos Nascimento. A coordenação da mesa foi exercida pela superintendente estadual da Funasa em Goiás, Márcia Coutinho.  

As ações de apoio da Funasa e da Assemae para a elaboração dos planos municipais de saneamento básico foram o tema da quarta mesa-redonda do evento, que reuniu a professora do Instituto Federal de Goiás (IFG), Carla Herrmann, e mais uma vez, o técnico da Funasa, Neilton Santos. Na ocasião, os convidados alertaram que após 31 de dezembro de 2017, os municípios que ainda não possuírem planos municipais de saneamento serão impedidos de acessar recursos federais destinados a este setor.

Na parte da tarde, o Encontro debateu a intensa relação entre saneamento básico e saúde pública, o sistema alternativo SALTA-Z e as unidades móveis de tratamento de água da Funasa, além de abordar o Programa Nacional de Saneamento Rural. Como convidados, participaram os seguintes especialistas: Tiago de Brito Magalhães (consultor técnico do Programa Nacional de Vigilância da Qualidade da Água para Consumo Humano (Vigiagua) / Ministério da Saúde); Antonio Wilson Soares de Oliveira (coordenador do Programa de Qualidade da Água da Funasa em Goiás); Tania Maria de Moraes Chada (farmacêutica e bioquímica da Funasa no Pará); Osman de Oliveira Lira (farmacêutico e bioquímico da Funasa em Pernambuco); e Allyson Sullyvan Rodrigues Silva (consultor da Funasa). A coordenação dos debates ficou sob a responsabilidade do secretário executivo da Assemae, Francisco Lopes.

Última modificação em Segunda, 13 Novembro 2017 15:59
Mais nesta categoria:
ASSEMAE © 2017 | Todos os direitos reservados Desenvolvido por Trídia Criação