29 de Julho, 2015

Reágua reduz consumo em escolas de S. André

Redução atingiu cerca de 80% das escolas do Programa Estadual de Recuperação de Águas

Quase 80% das escolas municipais de Santo André (SP) que participam do Programa Reágua (Programa Estadual de Recuperação de Águas) já conseguiram reduzir o seu consumo. Levantamento do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) mostra que das 29 creches e 44 Emeifs (Escolas Municipais de Educação Infantil e Ensino Fundamental) que participam do programa em Santo André, 57 conseguiram reduzir o consumo de água, quando comparado com os mesmos períodos de 2012, no início do programa. A análise utilizou os dados de junho, agosto, setembro, outubro e novembro de 2014 e de março de 2015.

O Semasa, por meio do DMO (Departamento de Manutenção e Operação), concluiu em maio a primeira fase de implantação dos equipamentos hidráulicos em 11 creches e 15 Emeifs. Foram substituídas 277 torneiras simples por modelos temporizados, mais econômicos, além da instalação de reguladores de vazão e flexíveis, em algumas das unidades.

Paralelamente, a autarquia instalou hidrômetros telemétricos, que permitem o acompanhamento do consumo a distância, além de ter realizado varreduras nas redes de água utilizando o geofone, aparelho que permite localizar vazamentos subterrâneos. A ideia da autarquia é dar continuidade à substituição das peças hidráulicas ainda este ano, contemplando as demais escolas.

Merendeiras – Além das medidas técnicas, as ações de Educação Ambiental também vão continuar em julho. Agora, a equipe da Gema (Gerência de Educação e Mobilização Ambiental) do Semasa fará um trabalho de sensibilização com as merendeiras das unidades escolares. Estas profissionais vão participar de palestra sobre o uso consciente da água e de uma visita a ETA (Estação de Tratamento de Água) Guarará.

Sobre o Reágua – O Programa Reágua prevê melhorias em creches e Emeifs da cidade. Em 2013, o Semasa analisou todos os equipamentos hidráulicos das escolas e verificou o consumo médio e os vazamentos. O Reágua utiliza como parâmetro um consumo de 14 litros por dia/aluno. Em algumas escolas, porém, o gasto variava entre 40 e 50 litros/dia/aluno.
Também foram realizadas ações educativas, com orientação de alunos, professores e da comunidade por meio da educação ambiental do Semasa. Os recursos para o programa são da ordem de R$ 1,5 milhão, provenientes do Banco Mundial.

Fonte: Semasa

Última modificação em Quarta, 29 Julho 2015 13:04
Mais nesta categoria:
ASSEMAE © 2019 | Todos os direitos reservados Desenvolvido por Trídia Criação