10 de Novembro, 2015

DMAE Poços de Caldas inaugura reservatório

O reservatório Itamaraty possui volume de 500 m³ e capacidade para abastecer cerca de 15 mil habitantes

O Departamento Municipal de Água e Esgoto (DMAE) de Poços de Caldas, em Minas Gerais, inaugura no próximo dia 13 de novembro o reservatório Elevado Jardim Itamaraty III, na Rua Maria Rita Lopes Pontes (parte alto do bairro). A obra teve início em setembro de 2014.

No mesmo período que o DMAE iniciou a construção do reservatório, a região passava pela pior crise hídrica de toda história. Porém, com ações rápidas e eficientes da administração, foi possível superar a escassez de água e atravessar a fase que ainda perdura.

O DMAE deu início à construção do novo reservatório com o objetivo de ampliar o abastecimento público de água da região e, principalmente, atender os moradores dos residenciais Araucárias e Novo Horizonte, que no ano de 2012 ocuparam suas residências pelo programa do Governo Federal “Minha Casa Minha Vida”. Após a entrega dos residenciais houve problemas pontuais com o abastecimento, uma vez que a região demandou grande volume de água para a distribuição. Uma série de obras foi feita para solucionar o problema: adutora, reservatório, linha recalque e elevatória.

O DMAE iniciou as ações, num programa de ampliação do abastecimento de toda Zona Leste da cidade, que incluiu: reforço de adução do Dom Bosco até o Posto da Polícia Rodoviária Federal; ampliação do reservatório Dom Bosco, que terá sua capacidade dobrada de 1 para 2 milhões de m³ de água; elevatória e adutora reservatórios Chapéu/Dom Bosco; ampliações da elevatória e adutora do Parque Pinheiros/Itamaraty. “Do Dom Bosco até o Posto da Polícia Rodoviária Federal, foram 7Km de adutora, obra que não é visível, mas de grande importância. Também foram utilizados 130 mts³ de concreto e 10 mil quilos de aço, nesta obra”, contou Ailton Donizeti, engenheiro supervisor do DMAE, responsável pelo setor de fiscalização e planejamento.

O reservatório Itamaraty possui aproximadamente 20 metros de altura, com volume de 500 m³ e capacidade para garantir o abastecimento de cerca de 15 mil habitantes. Nesta obra foram investidos pouco mais de 600 mil reais, com recursos próprios. “Esta obra estava prevista no Plano Diretor de 2013 e o que fizemos foi priorizar uma série de obras, por causa dos problemas que afetaram a população da região em 2012. O DMAE agora finaliza a sua parte na história com o problema de água na Zona Leste da cidade. Isso tudo só foi possível por meio de grande empenho do prefeito de Poços, Eloísio do Carmo Lourenço, e do diretor do DMAE, Alair Assis. Problema resolvido em plena crise hídrica”, comentou Luiz René Ballerine, gerente da Divisão de Engenharia e Operações do DMAE.

Fonte: DMAE Poços de Caldas

 

Última modificação em Terça, 10 Novembro 2015 10:45
Mais nesta categoria:
ASSEMAE © 2019 | Todos os direitos reservados Desenvolvido por Trídia Criação