02 de Janeiro, 2018

Semae leopoldense inova para combater perdas

O Semae está utilizando inteligência artificial que possibilita detectar perdas físicas de água. 

Dentro das ações do programa de eficiência hidroenergética Semae Sustentável de São Leopoldo, a autarquia está implantando o projeto Controle Ativo de Vazamentos que utilizará, entre outros dispositivos, equipamentos eletrônicos para detecção de perdas físicas com tecnologia de análise feita por inteligência artificial.

O sistema consiste na coleta de amostras de ruídos provenientes do fluxo de água detectados nos quadros de ligação. Para cada hidrômetro, o equipamento registra quinze segundos desse ruído e envia para um sistema de inteligência artificial em nuvem que extrai de cada amostra coletada 79 características para classificá-las e, a partir desta análise, classificar ruídos como prováveis vazamentos.

"A proposta busca otimizar o trabalho de detecção, diminuindo o tempo de ocorrência desses vazamentos, reduzindo a perda nas tubulações de água e garantindo o abastecimento pleno", conforme explica o diretor de Manutenção Hidráulica e Eletroindustrial, Everson Gardel.

Nesta primeira etapa, serão analisadas quatro mil amostras. A previsão é de que, nos próximos quatro anos, todo o sistema seja analisado por esta ferramenta de forma periódica.

 

Fonte: Semae São Leopoldo

Última modificação em Terça, 02 Janeiro 2018 16:22
Mais nesta categoria:
ASSEMAE © 2018 | Todos os direitos reservados Desenvolvido por Trídia Criação