17 de Março, 2016

Semasa entrega estação de coleta em Santo André

Santo André contabiliza 99 pontos de descarte irregular.

O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) entregou na manhã de ontem (16/03) a reforma e ampliação da Estação de Coleta Sacadura Cabral, na Rua Lauro Muller, 400. A reinauguração contou com a presença do prefeito Carlos Grana (PT) e dos alunos da Emeief Professor José do Prado Silveira, que plantaram mudas no espaço.

Santo André contabiliza 99 pontos de descarte irregular e a meta para este ano é reduzir o número para 60. A Estação de Coleta Sacadura Cabral fica próxima a terreno na Rua Camilo Castelo Branco, conhecido por ser um local onde o lixo é jogado sem nenhum critério. Com frequência o espaço é alvo de reclamações da vizinhança.

Orçadas em R$ 40 mil, as obras no espaço, que demoraram cerca de um mês, somam-se às outras nove readequações promovidas pela autarquia em ecopontos da cidade. As principais novidades são o piso de concreto, a guarita de alvenaria e o novo horário de funcionamento, de domingo a domingo, das 8h às 19h, que passa a vigorar a partir do dia 1º de abril.

Para Grana, as melhorias no equipamento farão com que a população se conscientize e jogue os detritos em locais adequados. “Aqui (no bairro Sacadura Cabral) tem muito descarte irregular. É por isso que trabalhamos para melhorar os ecopontos. Acredito que com o novo horário de atendimento ninguém terá desculpa para se desfazer do lixo em pontos inapropriados.”

“Sabiam que já estudei na escola de vocês?”, disse o prefeito aos alunos da Emeief Professor José do Prado Silveira. Para ele, conscientizar as crianças melhora o presente e garante o futuro. “Elas têm o poder de mudar o que fizemos de errado. Também podem contar para os pais tudo o que fazemos aqui e, consequentemente, mais pessoas jogarão o lixo no lugar certo”, acredita Grana.

Moradora do Sacadura Cabral há 43 anos, a líder comunitária Angelina Nunes de Oliveira, 63, critica a postura dos vizinhos, que insistem em poluir o bairro. “Esse sempre foi um problema daqui. As pessoas descartam vários objetos pelas ruas, não respeitam nada. Espero que com essa estação a situação mude.”

O Semasa, em parceria com a Secretaria de Educação de Santo André, leva a questão ambiental para dentro das salas de aula, conforme explica o diretor de resíduos sólidos da autarquia, Edi Ferreira dos Santos. “É um tema que já se tornou disciplina dentro das escolas. O assunto dos resíduos também é amplamente abordado. Temos que preparar os alunos para um futuro com mais consciência ecológica.”

A hora mais divertida da reinauguração foi quando os estudantes plantaram várias mudas no terreno. Ansiosas, as crianças logo formaram fila para realizar o plantio. O pequeno Cauã Sena, 7, ficou feliz em participar da brincadeira ecológica. “Foi muito legal (plantar) e conhecer o prefeito. Sempre jogo o lixo no lugar certo.”

Fonte: Diário do Grande ABC

Última modificação em Quinta, 17 Março 2016 12:38
Mais nesta categoria:
ASSEMAE © 2019 | Todos os direitos reservados Desenvolvido por Trídia Criação