10 de Julho, 2017

Sanep lança pacote de investimentos

Os investimentos são superiores a R$ 110 milhões em melhorias realizadas pela autarquia nos próximos meses. 

A prefeita Paula Mascarenhas e o diretor-presidente do Sanep, Alexandre Garcia, anunciaram na manhã de quinta-feira (6) durante coletiva no salão nobre do Paço Municipal, investimentos superiores a R$ 110 milhões na cidade que serão realizados pela autarquia nos próximos meses.

Ações como a construção de novas redes de água para solucionar problemas antigos de abastecimento na cidade pela setorização do abastecimento e melhoria na distribuição; a reativação dos reservatórios para ampliar o fornecimento de água; e aquisição de novo maquinário para garantir a desobstrução de redes antigas de ferro, fazem parte deste pacote de investimentos, que visa garantir a qualidade da água e a ampliação do abastecimento até a casa dos pelotenses.

Paula destacou que o Plano de Investimento é uma resposta do governo ao cidadão, que tem o direito de ver os resultados de sua contribuição em benefícios à sociedade. “A população contribui e deve ser beneficiada, quer ver seu dinheiro investido em melhorias na cidade e é isso que estamos apresentando hoje com o Plano de Investimento do Sanep. Vamos melhorar o sistema com a construção das novas redes e reorganizar o abastecimento de água na cidade”, afirmou a prefeita. 

Garcia apresentou à imprensa os detalhes técnicos de cada obra, seus benefícios e as melhorias que irão promover na cidade. “Os editais de licitação já estão em andamento e em breve vamos dar início às obras que irá corrigir problemas antigos de abastecimento registrados”, salientou o diretor-presidente do Sanep.

O presidente do Conselho Consultivo e Deliberativo do Sanep, Volnei Rosa, afirmou que nos últimos seis anos ele acompanha as dificuldades enfrentadas pela autarquia. “Hoje vejo com muita satisfação esse anúncio de investimentos, é uma alegria ver que estamos iniciando uma nova caminhada no Sanep”, afirmou Rosa.

Pacote de investimentos: o que vem por aí

Licitação para serviço de coleta e destinação dos resíduos sólidos: R$ 87 milhões

Foi publicado na última terça-feira (4) o edital de licitação na modalidade Concorrência tipo Menor Preço para prestação de serviços de coleta convencional urbana e rural e coleta seletiva, conteinerizada e de serviços de saúde, com transporte e o tratamento do resíduo. O investimento será de aproximadamente R$ 87 milhões com contrato válido por 5 anos.

Com a licitação, a coleta seletiva será ampliada de 60% para 80% da cidade, em novos locais como a praia do Laranjal, Balneário dos Prazeres, Colônia de Pescadores Z-3, Recanto de Portugal, Las Acácias, alongamento da zona central, região do Porto e Simões Lopes.

- ETE Novo Mundo: R$ 18 milhões

A ETE vai tratar quase 100 litros de esgoto por segundo e será mais um importante passo para avançar nas melhorias do saneamento básico do Município. O edital de licitação para a retomada das obras de construção da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Novo Mundo, localizada na avenida Francisco Caruccio, zona norte do Município, será publicado nos próximos dias.

Ajustes no abastecimento d’água no Areal e praia do Laranjal

Haverá uma readequação das redes de água que abastecem o bairro Areal fundos, a região do Shopping Pelotas e a praia do Laranjal, para garantir o pleno abastecimento de todas as áreas. As mudanças são baseadas em um plano de Saneamento da autarquia:

- Construção de nova rede de água para abastecer a zona baixa do Areal, região do Shopping Pelotas: R$ 600 mil

A obra será feita em parceria com o Parque Una e irá readequar a distribuição da água na região do Shopping Pelotas-Foro-Umuharama. A nova rede seguirá o seguinte trajeto: rua Apolinário Porto Alegre, avenida Domingos de Almeida, rua Barros Cassal e faz a travessia sob a avenida Ferreira Viana, onde será interligado à rede existente. Isso irá separar o sistema de abastecimento da região do Shopping do restante do bairro. 

- Construção de rede de água alternativa para aliviar o abastecimento no Laranjal: R$ 602 mil

Uma nova rede será construída, com conexão do reservatório R8 até a avenida Domingos de Almeida, para dar mais fluxo e melhor distribuição da água na região. Essa nova rede deixará uma das adutoras livre para abastecimento da praia do Laranjal.

- Substituição de 10 quilômetros de rede de fibrocimento: R$ 2 milhões

Nos próximos dias será publicado o edital para substituição de 10 quilômetros de rede em diferentes pontos do Município, isso irá garantir a qualidade na pressão da água.

- Nova rede de água abastecerá o bairro Areal: R$ 3 milhões

Uma nova rede de água será construída para atender o bairro Areal, liberando a atual rede para fazer o abastecimento pleno da praia do Laranjal. A rede partirá do reservatório localizado no novo Residencial Moradas, na zona norte, e será interligado em redes existentes no Areal Fundos e Vasco Pires.

- Uma subadutora também será construída para reforçar o R8, que será mais exigido. Essa sub-adutora partirá do Booster da Dom Joaquim até a Mário Peiruque, onde fica o R8.

- Reativação dos reservatórios de água R7 e R10: R$ 30 mil

Após reativar o R3 e o R4, agora o Sanep dá início à recuperação dos reservatórios R7 e R10, localizados na Vila Gotuzzo e na Vila Santa Terezinha, respectivamente. Ambos estão em processo d e limpeza e em breve entram em funcionamento.

O R1, localizado na Praça Piratinino de Almeida, passa por processo de documentação junto ao Iphan, já que o reservatório é um bem tombado do Municipio pelo Instituto.

- Troca de filtros nas Estações de Tratamento de Água (ETAs): R$ 699 mil

As ETAS possuem leitos filtrantes que, em sua originalidade, possuem o serviço de filtrar a água da barragem que se desloca aos reservatórios do Município. Com o tempo e intensidade de uso, estes filtros necessitam de manutenção, pois acabam perdendo sua eficiência, muitas vezes diminuindo a pressão d’água. O Sanep irá substituí-los, garantindo pleno funcionamento.

Será o maior investimento na área nos últimos 20 anos.

- Troca de filtros na ETA Santa Bárbara - 5 filtros R$ 430 mil

- Troca de filtros na ETA Sinnott - 7 filtros R$ 262 mil

- Troca de filtros na ETA Moreira – 4 filtros R$ 7 mil

- Aquisição de caminhão e equipamento Hidrojato: R$ 700 mil

Irá garantir a desobstrução das redes de ferro antigas, que são maioria na cidade. Muitas estão obstruídas, o que dificulta a passagem da água, principalmente na região do Centro e Porto.

- Aquisição de duas motocicletas e dois caminhões: R$ 435 mil

Novos veículos irão garantir a agilidade na fiscalização do Sanep, principalmente em questões de água e esgoto no Laranjal.

Fonte: Prefeitura de Pelotas

Última modificação em Segunda, 10 Julho 2017 15:36
Mais nesta categoria:
ASSEMAE © 2019 | Todos os direitos reservados Desenvolvido por Trídia Criação