15 de Janeiro, 2020

Semae São Leopoldo abastecerá penitenciária

O Semae será responsável por analisar e aprovar o projeto hidrossanitário. 

Em reunião com o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, na tarde de sexta-feira (10/01), o prefeito de São Leopoldo, Ary Vanazzi, e o diretor-geral do Semae, Nestor Schwertner, assinaram os documentos que garantirão o abastecimento de água à Penitenciária Estadual de Sapucaia do Sul.

No encontro, realizado no Palácio Piratini, em Porto Alegre, Leite assegurou a contrapartida do Estado ao município de São Leopoldo: um acréscimo mensal de R$ 500 mil nos repasses feitos ao Hospital Centenário. Atualmente, a casa de saúde recebe R$ 255 mil por mês de recursos estaduais.

O acordo, que também envolve a Companhia Riograndense de Saneamento (CORSAN), estabelece a construção de uma nova adutora de água, ligada à rede do Semae – que fica 2,5 quilômetros mais perto da Penitenciária do que a da CORSAN.

“A obra vai ser executada e custeada pela companhia estadual. O Semae ficará responsável por analisar e aprovar o projeto hidrossanitário. A nova rede adutora terá aproximadamente 500 metros e não comprometerá o abastecimento de água de São Leopoldo”, explicou Schwertner.

Segundo o prefeito Ary Vanazzi, o pacto foi firmado com o objetivo de gerar o melhor resultado para a população. “Nós queremos construir aquilo que é bom para a comunidade. Por isso, reconheço a responsabilidade e a seriedade do governador para tratar deste encaminhamento, especialmente por estarmos vivenciando um momento tão difícil da política. É uma vitória para o nosso hospital, que vinha sendo injustiçado e precisou, inclusive, parar de atender algumas especialidades”, destacou.

Em sua fala, Eduardo Leite classificou como legítimas as exigências da Prefeitura leopoldense. “Preciso cumprimentar o prefeito Ary Vanazzi pela forma como defendeu os interesses da sua cidade. As divergências políticas têm seus momentos de expressão. A partir das nossas conversas, alcançamos soluções tanto para o sistema prisional como para o sistema de saúde”, concluiu.

Fonte: Semae São Leopoldo

Última modificação em Quarta, 15 Janeiro 2020 10:15
Mais nesta categoria:
ASSEMAE © 2020 | Todos os direitos reservados Desenvolvido por Trídia Criação